fbpx

2º Fórum Campinas pela Paz terá Sinfônica no teatro e ações na Arautos

  

A segunda edição do Fórum Campinas pela Paz será realizada nos dias 27 e 30 de abril e 1º de maio. A Orquestra Sinfônica Municipal de Campinas se apresentará na abertura, marcada para o dia 27, no Teatro Castro Mendes. Já nos dias 30 e 1º de maio, a programação será na Praça Arautos da Paz e na Casa de Vidro do Lago do Café, com diversas apresentações musicais, debates e gastronomia.

 

 

O evento terá diferentes atrações, mantendo a música como principal eixo articulador. A ação se insere nas atividades do Dia Internacional do Jazz, comemorado em 30 de abril. A data reúne comunidades, escolas, artistas, historiadores, acadêmicos e entusiastas do jazz em todo o mundo para celebrar e aprender sobre o estilo musical e suas raízes, futuro e impacto na sociedade.


 

 

A secretária Municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos, Eliane Jocelaine Pereira, ressaltou que a segunda edição do Fórum Campinas pela Paz alcançará um novo degrau rumo à cultura de paz na cidade. “A escolha da música como primeiro eixo articulador de todo o temário do Fórum Campinas pela Paz é fundamental para a transformação da humanidade, por permitir a reelaboração de emoções, percepções e sentimentos. Também possibilita refletir sobre os temas a partir da compreensão da música para além dela mesma, valorizando os aspectos social, político e cultural que a envolvem”, afirmou.

 

 

Na terça-feira, dia 30 de abril, a partir das 17h30, o Fórum vai contar com as apresentações do percussionista internacional e cantor Airto Moreira e Banda;  da poeta, cantora e atriz Elisa Lucinda; DJ Barata; da banda de samba jazz Black Rio; e Orquestra Jazz Sinfônica de Valinhos. No dia 1º de maio, a partir das dez horas da manhã, várias atrações locais se apresentarão no evento, com destaque para o show da cantora e compositora Ellen Oléria.

 

 

A parte gastronômica ficará a cargo da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), que oferecerá pratos com preços entre 10 e 20 reais. Cada restaurante terá uma barraca e disponibilizará entre dois e três pratos, incluindo opções vegetarianas. A praça de alimentação terá mesas e cadeiras para os participantes desfrutarem do espaço.

 

 

Entre os pratos que serão servidos estão, por exemplo, massas italianas, lanches de torresmo, hambúrgueres, bolinhos de costela, carnes grelhadas, comida mexicana, japonesa e pizzas. Haverá também um setor reservado para sobremesas, com bolos, sorvetes e bombons.

 

 

#CampinasPelaPaz

 

 

O Fórum é um desdobramento das ações do movimento #CampinasPelaPaz, promovido pela Prefeitura Municipal de Campinas em 2017. “Demos início a uma política pública indutora da construção da paz em nossa cidade, que teve como primeira etapa a criação do Conselho Municipal de Cultura de Paz”, afirmou Eliane Jocelaine

 

 

Ela aponta que, em seguida, veio o lançamento municipal do Pacto Universitário pela Promoção do Respeito à Diversidade, da Cultura de Paz e dos Direitos Humanos, firmado entre Prefeitura Municipal, Ministério da Educação, Ministério dos Direitos Humanos, Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e Faculdades Anhanguera (FAC).

 

 

Esta segunda edição do Campinas pela Paz é chancelada pela Unesco, Banco Mundial e Fórum das Américas. O patrocínio é da Sanasa e FMC. Diversas empresas também apoiam a iniciativa, como a Unimed, EPTV, VipLoo, Azul, ALR Transportes, Mont Blanc Buffet e Eventos, Dj Barata e Andreiuk Trio.

 

 

Programação

 

 

Dia 27/04 – Teatro Castro Mendes

Endereço: Rua Conselheiro Gomide, 62 – Vila Industrial

 

20h – Concerto em homenagem aos 35 anos do Movimento Diretas Já e Abertura do II Fórum “Campinas pela Paz” 2019

Regente: Victor Hugo Toro

 

 

Dia 30/04 – Salão Vermelho do Paço Municipal

Endereço: Avenida Anchieta, 200 – Centro

 

14h – Abertura Oficial do II Fórum Campinas pela Paz

14h30 – Mesa-redonda 1: “O papel dos organismos internacionais na construção da Cultura de Paz e dos Direitos Humanos”

Fábio Eon (Unesco)

Paula Tavares (Banco Mundial)

 

 

Apresentações Culturais na Praça Arautos da Paz

Endereço: Rua Vital Brasil, Taquaral (ao Lado do Parque Portugal)

 

17h30 – Elisa Lucinda (abertura)

17h50 – Airto Moreira e Banda

19h – DJ Barata

19h30 – Banda Black Rio

20h30 – Elisa Lucinda

21h – Orquestra Jazz Sinfônica de Valinhos

21h40 – Elisa Lucinda (encerramento do primeiro dia)

 

 

Dia 01/05 – Casa de Vidro/Lago do Café

Endereço: Av. Heitor Penteado, 2.145 (em frente ao Portão 1 da Lagoa do Taquaral)

 

11h – Mesa-redonda 2: “Direitos Humanos e Erradicação do Trabalho Escravo Contemporâneo”

– Leonardo Sakamoto (Jornalista, Colunista, Cientista Político)

Catarina Von Zuben (Coordenadora Nacional de Erradicação do Trabalho Escravo/Procuradora do MPT)

Gustavo Accioly (Procurador do MPT)

Luis Renato Vedovato (Professor, Pesquisador – PUCC, UNICAMP)

 

11h30 – Marquise da Praça Arautos da Paz

Endereço – Rua Vital Brasil, Taquaral (ao Lado do Parque Portugal)

Mesa-redonda 3: “A Música e a Paz- A importância social do Jazz e do Samba para os Direitos Humanos e na construção da Cultura de Paz”

– Flora Purim (Cantora Brasileira de Jazz)

– Ilcéi Mirian (Cantora Brasileira de Samba, Historiadora, Pesquisadora)

 

12h – Casa de Vidro/Lago do Café

Endereço – Av. Heitor Penteado, 2.145

Mesa-redonda 4: “Direitos Humanos, Migrações e Refúgio”

– Rosana Baeninger (Professora, Pesquisadora – UNICAMP)

– Catarina Von Zuben (Coordenadora Nacional de Erradicação do Trabalho Escravo/Procuradora do MPT)

– Juliana Armede (Movimento Juntas Impactamos)

– Natália Demétrio (Pesquisadora – UNICAMP)

– Alba Andrade (Jornalista, refugiada venezuelana)

 

13h30 – Casa de Vidro/Lago do Café

Endereço: Av. Heitor Penteado, 2.145

Mesa-redonda 5: “Relações étnico-raciais, direitos humanos e paz: esperanças e desafios na superação do racismo”

– Luci Crispim Pinho Micaela (Professora, Pesquisadora – Unisal) 

– Edson Fabiano dos Santos (Professor, Pesquisador, Doutorando Unicamp) 

– Vanessa Dias (Pesquisadora do Centro de Referência Jongueiras e Jongueiros do Sudeste – Comunidade Jongo Dito Ribeiro)

 

14h30 – Casa de Vidro/Lago do Café

Endereço:  Av. Heitor Penteado, 2.145

Palestra: “Do samba ao Funk: Música Negra e Política no Brasil”

– Osmundo Santos de Araújo Pinho (Professor, Pesquisador – UFRB – Universidade Federal do Recôncavo da Bahia)

 

15h30 – Casa de Vidro/Lago do Café

Endereço: Av. Heitor Penteado, 2.145

Painel: “Cartografia Social – uma ferramenta para a Cultura de Paz nas Comunidades”

Alessandra Ribeiro (Professora, Pesquisadora, Gestora Cultural da Casa de Cultura Fazenda Roseira)

 

 

Apresentações Culturais na Praça Arautos da Paz

Endereço: Rua Vital Brasil, Taquaral (ao Lado do Parque Portugal)

10h – Dj Deddy Monteiro / Dj Barata

12h45 – Banda Lokomotiv

13h30 – Edh Lorran e Los Hombres – com o Show “O Passeio das Palavras”

14h15 – Tr3bruto Jazz

15h – Banda Fruto Proibido

16h – Andreiuk Trio

16h45 – Andreia Preta – com o Show “Doce de Salgar”

17h30 – Comunidade Jongo Dito Ribeiro

18h – Prêmio Pérola Negra

18h30 – Ellen Oléria e Banda

 

 

Programação da Orquestra Sinfônica

 

 

Concerto em Homenagem aos 35 anos do Movimento Diretas Já e Abertura do II Fórum “Campinas pela Paz” 2019

Regente: Victor Hugo Toro

Programa:

Ludwig Van Beethoven

Sinfonia N° 5, Op. 67, Mov. I

 

Nikolai Rimsky-Korsakov

Capriccio espagnol, op.34

 

Carlos Gomes

Alvorada de “Lo schiavo”

 

Johann Strauss

Valsa “Vozes de primavera”

Valsa do imperador

 

Geraldo Vandré (Arranjo: Damiano Cozzella)

“Caminhando” (Pra não dizer que não falei das flores)

 

Morais Moreira (Arranjo: Rodrigo Morte)

Eu quero votar para presidente (frevo das diretas)

 

Coletânea de Milton Nascimento (Arr. Damiano Cozzella)

Travessia

Maria Maria

Coração de Estudante

Menestrel das Alagoas

Os Bailes da vida