fbpx

Asfalto chegará à avenida da Emancipação nos próximos dias

A avenida da Emancipação será asfaltada nos próximos dias. Nesta segunda-feira (11/02), a Prefeitura colocou a base para o pavimento na faixa central da via, local onde a Prefeitura implantou tubos de drenagem de águas pluviais. O trecho em obras compreende desde o cruzamento com a avenida Olívio Franceshini, até a rotatória próxima ao Hipermercado Good Bom. A adequação viária da avenida da Emancipação proporcionará uma nova configuração do trânsito da avenida, que terá um tráfego mais eficaz e seguro. As obras em andamento são realizadas em cerca de 700 metros.

Além da implantação do sistema de drenagem de águas pluviais e da pavimentação na faixa central, o serviço de adequação da avenida inclui a criação de bolsões de estacionamento com 60 novas vagas na rua Antônio Nelson Barbosa, no Jd. do Bosque, marginal da avenida. Os canteiros da Emancipação receberão, ainda, plantio de grama e paisagismo. Com a pavimentação e liberação do trânsito na faixa central da avenida, a Prefeitura iniciará as obras dos bolsões de estacionamento na via marginal.


De acordo com informações da Secretaria de Obras e Serviços Urbanos, por meio da criação de novos acessos pelo canteiro central da avenida, os veículos poderão fazer retornos com mais segurança. Na atual configuração, há conflito viário na rotatória próxima do Hipermercado Good Bom, dispositivo que será extinto após a finalização das obras. No lugar da rotatória, haverá um grande canteiro, ladeado por 60 novas vagas de estacionamento ao longo da avenida, além das que já estão implantadas na rua Libero Badaró, outra marginal da avenida, pelo Jd. Santa Rita de Cássia.

PIC

Esta obra faz parte do PIC (Programa de Incentivo ao Crescimento), programa que prevê investimentos de cerca R$ 400 milhões para promover o desenvolvimento urbano, ambiental, social e humano para que Hortolândia cresça com planejamento e sustentabilidade nos próximos 30 anos.

As obras e serviços do PIC serão realizados em parceria com os governos estadual, federal e a iniciativa privada. Por meio do programa, a Prefeitura quer melhorar a prestação dos serviços públicos municipais em todas as áreas, em especial, na saúde, educação, segurança, mobilidade urbana e geração de emprego.