Conecte-se conosco

Nossa Cidade

Concessionárias do transporte coletivo intensificam higienização

Publicado

em

Concessionárias do transporte coletivo intensificam higienização

As concessionárias do transporte coletivo em Campinas – VB Transportes e Turismo, Itajaí Transportes Coletivo, Onicamp Transporte Coletivo, Coletivos Pádova e Expresso Campibus – intensificaram os processos de higienização dos seus veículos e, desde a semana passada, estão fornecendo orientações internas aos funcionários sobre os procedimentos que devem ser adotados na luta contra a proliferação do novo coronavírus. Para o público externo, em conjunto com a Emdec, Transurc e SetCamp, estão sendo feitos cartazes informativos que serão colocados dentro dos ônibus, postos de vendas e terminais.

“Elaboramos cartazes de orientação aos funcionários e ao público. Os cartazes serão colocados dentro dos veículos durante a semana. Além disso, os colaboradores já receberam informações internas e será disponibilizado álcool gel para que intensifiquem o processo pessoal de higienização”, afirma Paulo Barddal, diretor de Comunicação do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros da Região Metropolitana de Campinas (SetCamp).


As equipes que trabalham nas várias garagens do grupo fazem uma limpeza completa em todos os veículos do grupo e se utilizam de produtos químicos homologados pela Anvisa, como bactericidas e detergentes especiais em bancos, balaústres, vidros e demais partes internas.

“Já fazíamos o processo de limpeza diariamente. Mas, agora, foi determinado aos funcionários o aumento da concentração do germicida e dos demais produtos utilizados no dia a dia. Além disso, passamos a fazer uma higienização mais pesada nos ônibus e o nosso pessoal está se revezando em turnos durante o dia, noite e madrugada”, afirma Barddal.

Como é feito o processo?

Logo após os ônibus retornarem às garagens, as equipes fazem uma varrição nos veículos e, em seguida, aplicam produtos com bactericida e detergente nos pisos. Em seguida, os ônibus passam por rolos de lavagem externa.

Em seguida, os funcionários entram nos veículos com bactericida desinfetante e limpador multiuso, e aplicam novamente os produtos em todos os pontos, desde os bancos, balaústres, vidros e demais partes internas dos veículos.

Barddal lembra que o processo de higienização contribui para evitar a proliferação de bactérias mas ressalta que cada pessoa, por recomendação das autoridades de saúde, precisa redobrar os cuidados com a sua higiene pessoal. “Os especialistas recomendam que as pessoas lavem suas mãos com mais frequência e de forma mais detalhada e também utilizem o álcool gel 70% para desinfecção das mãos, entre outras medidas, de forma a evitar a transmissão do novo coronavirus, a Covid-19)”, explica.

O que faço para me proteger?

As recomendações do Ministério da Saúde são as seguintes: evitar contato próximo com pessoas que sofrem de infecções respiratórias agudas; realizar lavagem frequente das mãos, especialmente após contato direto com pessoas doentes ou com o meio ambiente; utilizar lenço descartável para higiene nasal; cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir (não utilizar as mãos, sempre utilizar o braço ou antebraço); evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca; higienizar as mãos após tossir ou espirrar; não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas; evitar contato próximo com animais selvagens e animais doentes em fazendas ou criações.

O que fazer se ocorrerem sintomas do vírus?

No caso de sintomas relacionados a uma doença respiratória, sempre procure orientação médica. É importante saber que o Ministério da Saúde lançou o aplicativo Coronavírus — SUS para ajudar a população no trabalho de informação e prevenção em relação ao novo vírus.

O app está disponível para celulares com sistema Android ou IOs e traz informativos sobre os sintomas, prevenção, o que fazer em caso de suspeita e um mapa indicando as unidades de saúde próximas, entre outras informações. Mais detalhes e informações sobre o novo vírus você encontra no site do Ministério da Saúde.

Fonte: Transurc

Copyright ©2014-2018 NoticiasCampinas.com.br. Todos os direitos reservados.

error: