fbpx

Jovens estudantes de 12 escolas municipais se preparam para empreender

As cinco primeiras escolas municipais de ensino fundamental Emefs) contempladas pelo programa Campinas Empreendedora receberam as apostilas nesta quinta-feira, 13 de junho, das mãos do prefeito Jonas Donizette. A entrega foi realizada na Emef Elza Maria Pelegrini Aguiar, no Parque Dom Pedro 2º, Distrito do Ouro Verde, com a participação de alunos, professores e diretores das cinco escolas.

 

 

“O mercado de trabalho mudou muito e hoje as crianças também têm que começar a pensar como vai ser a vida adulta delas. Estamos abrindo esse novo horizonte. Campinas está saindo na frente ao plantar uma semente na vida dessas crianças sobre empreendedorismo”, disse o prefeito.


 

 

A intenção é ampliar o programa para mais sete unidades ainda este ano, totalizando 12 escolas beneficiadas e somando 7.5 mil alunos atingidos pelo Campinas Empreendedora. Nesta primeira etapa, foram distribuídas 2.450 apostilas. As restantes serão entregues a partir de agosto, quando iniciar o segundo semestre.

 

 

Além de receber as apostilas, os alunos também terão aulas de cultura empreendedora, que serão ministradas pelos próprios professores das Emefs. Os docentes estão sendo capacitados pelo Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) sobre Educação Empreendedora.

 

 

O presidente do Sebrae de São Paulo, Tirso Salles Meirelles, veio de Brasília para participar do evento. “As micros e pequenas empresas representam 99% das empresas brasileiras. E essas nossas empresas são de vocação, são de vocês, crianças e jovens, que vão aprender essa cultura empreendedora para abrirem o seu próprio negócio. Só depende de cada um de nós, do sonho de cada um e da vontade de estudar e aprender. Tenho certeza que vocês terão um futuro maravilhoso”.

 

 

A iniciativa, chamada Educação Empreendedora, integra o programa Campinas Empreendedora, uma parceria entre a Prefeitura de Campinas e o Sebrae. O programa foi lançado em abril e quem está à frente, pela Prefeitura, é a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Social e de Turismo.

 

 

“Estou muito feliz com a oportunidade de realizar o sonho de levar para as crianças e jovens a cultura empreendedora. Com as informações que serão passadas, eles vão se familiarizando com competências e habilidades próprias, o que irá ajudá-los, no futuro, a decidirem ser empreendedores ou não. A cultura empreendedora não serve apenas para aqueles que querem ser empreendedores, serve também para todos que exercerão uma atividade profissional, pois precisarão desses conhecimentos, como planejamento, urbanização, metas e várias outras competências”, disse o secretário de Desenvolvimento Econômico, Social e de Turismo, André Von Zuben.

 

 

Para a secretária municipal de Educação, Solange Pelicer, empreender desenvolve o pensamento inovador e criativo, o que o mundo requer do cidadão nos dias de hoje. “A cultura empreendedora promove um olhar dos alunos para enxergar o problema e solucioná-lo. Ela vai ajudar muito os nossos estudantes em seus projetos de vida. Tenho certeza que esse aprendizado vai impactar também os professores, a gestão da escola e todos os funcionários”.

 

 

As cinco escolas contempladas nesta quinta foram a Emef Elza Maria Pelegrini Aguiar, no Parque Dom Pedro 2º; Emef Geny Rodrigues, no São Bernardo; Emef Oziel Alves Pereira, no Parque Oziel; Emef Orlando Carpino, no Jardim Ouro Branco, e Emef Edson Luís Chaves, no Jardim Santa Rosa.

 

 

O secretário municipal de Trabalho e Renda, Luis Yabiku, também participou do evento.

 

 

Programa

 

 

O Programa Campinas Empreendedora visa fomentar o empreendedorismo, a inovação e a competitividade dos pequenos negócios do município. O empreendedorismo é um dos principais fatores de promoção do desenvolvimento econômico e social de uma localidade.

 

 

O Campinas Empreendedora inclui ainda uma outra frente de trabalho, que tem a meta de capacitar empreendedores e dar oportunidade e formação para quem busca iniciar o seu próprio negócio. Estão disponíveis mais de cem cursos on-line gratuitos. Informações sobre quem pode participar e como aderir estão disponíveis no site www.empreendedora.campinas.sp.gov.br.