fbpx

Moradoras do Pac Santa Lúcia concluem curso do Sebrae

 

Um grupo formado por 11 moradoras da região de abrangência do Pac Santa Lúcia concluiu o curso de Super Mei-Gestão promovido em parceria entre o Trabalho Técnico Social (TTS) da Companhia de Habitação Popular de Campinas e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micros e Pequenas Empresas (Sebrae).

 

 

 

 

O curso foi promovido no Residencial Santa Luzia no final do ano passado e serviu como orientação para formar microempreendedores individuais. Em 20 horas foram apresentadas cinco oficinas: Planejar, Como controlar o dinheiro, separando as finanças pessoais e comerciais, Como formar preço do seu produto, Saber vender e divulgar seu negócio para vender mais e Inovar para obter melhores resultados.


 

 

 

A moradora da Comunidade do Jardim Yeda, Mara da Conceição Martins Cordeiro, fez questão de agradecer pela oportunidade.

 

 

 

 

“Estou aqui para agradecer o curso oferecido pelo Sebrae. Este curso veio agregar muito à minha vida e foi de grande serventia para mim e para as minhas parceiras de curso. Agradeço muito, pois o projeto tem oferecido muita oportunidade. Eu estou feliz, pois a nossa comunidade está assistida pelo PAC Santa Lúcia e trouxe a parceria do Sebrae para nossa Comunidade”, completou.

 

 

 

 

Laurinda Meira, da Comunidade do Jardim Santa Lúcia, também fez questão de agradecer pelo curso.

 

 

 

 

“Sou moradora do Jardim Santa Lúcia e faço parte da Associação de Mulheres do bairro. Este curso do Sebrae foi uma maravilha e trouxe muita coisa boa para nós e para nosso bairro. Espero que venham mais cursos e agradeço à toda equipe do Pac Santa Lúcia” concluiu.

 

Segundo a assistente social Taisse Andrade, o curso foi importante para as moradoras.

 

 

 

 

“Algumas destas alunas são empreendedoras e trabalham por conta própria e com o programa obtiveram capacitação técnica para que elas possam potencializar seu próprio negócio, alcançando autonomia e geração de renda”, afirmou.

 

 

 

 

Célia Domingo, que também é assistente social, a atividade certamente, vai abrir portas para novos negócios.

 

 

 

 

“O programa Super MEI, veio num momento muito propício, pois ofereceu oportunidade para as moradoras do Pac Santa Lúcia, que acabaram de participar da oficina de costura e estão muito empenhadas em aprender e se capacitar frente aos novos desafios”, disse.

 

 

 

 

A entrega dos certificados da conclusão do curso ocorreu no último dia 18 de fevereiro, na sede da Associação de Moradores do Jardim Yeda. Fazem parte do região de abrangência do Pac Santa Lúcia os bairros: Jardim Yeda I e II, Núcleo Residencial Santa Lúcia, 2 de Julho, Vila Palácios e Vila Bordon.