fbpx

Moradores do Residencial Campo Florido comemoram revitalização de praça

O Prefeito Jonas Donizette entregou na manhã do último sábado, dia 10 de agosto, a praça Dalva de Oliveira totalmente revitalizada para os cerca de 5 mil moradores do Residencial Campo Florido, bairro localizado na região Norte da cidade. A melhoria faz parte das comemorações dos 245 anos de Campinas.

 

Na cerimônia de inauguração, o prefeito ressaltou a importância da prática esportiva e do lazer para a saúde física e emocional das pessoas, “a ciência comprova que o lazer e a convivência saudável contribuem em muito na prevenção de doenças como  o diabetes e a depressão ”, afirmou o prefeito.


 

Jonas também aproveitou a presença dos moradores locais para convidá-los a cuidar do novo equipamento “ como se fosse a extensão da casa de cada um” disse. “O zelo e o cuidado são muito importantes para manter o espaço de lazer sempre em boas condições de uso”, completou Jonas

 

O Secretário de Serviços Públicos, Ernesto Paulella, salientou que o a praça Dalva de Oliveira recebeu mais que uma reurbanização. “Recuperamos um espaço degradado e inserimos uma série de novos equipamentos como campo de areia cercado, academia ao ar livre e playground”, destacou Paulella. 

 

Compareceram à inauguração moradores locais, representantes do Poder Legislativo, secretários municipais e lideranças de bairro.

 

As obras de revitalização exigiram investimento de R$ 170 mil, em uma área total de 8 mil metros quadrados.

 

O espaço de lazer ganhou campo de areia cercado com alambrado, academia ao ar livre, pista de caminhada, recuperação da calçada do entorno, playground, nova iluminação, recuperação paisagística com o plantio de 3 mil mudas de plantas ornamentais e 250 mudas de árvores como aldrago e ipês rosa, amarelo e branco. 

 

Quem foi Dalva de Oliveira

 

A praça leva o nome da cantora brasileira Dalva de Oliveira (1917–1972), nome artístico de Vicentina de Paula Oliveira, uma das maiores vozes do Brasil, de grande sucesso nas décadas de 1930, 40 E 50. Pela versatilidade vocal, Dalva ficou conhecida como “Rouxinol do Brasil”. Entre os grandes sucessos estão as músicas “Bandeira Branca”, “Hino ao Amor””, “Estão Voltando as Flores”. Dalva de Oliveira faleceu em agosto de 1972, no Rio de Janeiro.