fbpx

Paulo Nogueira Neto inspirou Prefeitura a homenagear o meio ambiente

O nome de Paulo Nogueira Neto estará para sempre associado ao Dia Internacional do Meio Ambiente, em Campinas. O ambientalista que morreu ontem, dia 25 de fevereiro, aos 96 anos de idade, confere seu nome ao Diploma de Mérito Socioambiental entregue todos os anos pela Prefeitura aos cidadãos brasileiros ou estrangeiros dignos de homenagem pelos relevantes serviços prestados às questões socioambientais. 

  

O “Certificado Professor Paulo Nogueira Neto” foi criado por meio da Resolução nº 05 de 18 de maio de 2018, da Secretaria Municipal do Verde, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SVDS), durante as comemorações da Semana do Meio Ambiente. Para Rogério Menezes, titular da SVDS, Nogueira Neto foi o “maior de todos, o pioneiro da política ambiental brasileira”. Para o prefeito de Campinas, Jonas Donizette, “Paulo Nogueira Neto dedicou sua vida à sustentabilidade. Foi um visionário ao formular a Política Nacional do Meio Ambiente. Ele semeou ideias e exemplos que vão guiar cidadãos e gestores públicos do presente e do futuro”


  

“O meio ambiente perde sua maior referência. Obrigado professor Paulo Nogueira Neto por tudo que fez pela política ambiental e pela gestão ambiental no Brasil. Os nossos sentimentos a amigos, familiares e aos ambientalistas que hoje estão de luto”, disse Menezes.

 

Certificado

 

Em 2012, a então Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura de Campinas criou o “Diploma de Mérito Socioambiental” (decreto nº 17.600 de 29 de maio/2012), destinado a resgatar a memória da atuação na vida profissional e civil em benefício do meio ambiente de profissionais brasileiros e estrangeiros. Naquele ano, Nogueira Neto foi um dos agraciados com a honraria, ao lado de outras 13 personalidades de destaque na área. Desde então, a homenagem é entregue, todos os anos, durante as comemorações da Semana do Meio Ambiente (Semeia), celebrada em junho. A partir do ano passado, o diploma passou a ser

 

 

 

Quem foi Paulo Nogueira Neto

 

Considerado o patrono do ambientalismo no Brasil, Paulo Nogueira Neto foi o primeiro secretário Especial de Meio Ambiente (Sema) do governo federal, de 1973 a 1985, e também um dos formuladores do conceito de desenvolvimento sustentável, assumido pelas Nações Unidas em 1987.

 

Com a ajuda de universidades, instituições de pesquisa e órgãos governamentais, Nogueira Neto foi o formulador da principal lei ambiental brasileira, a da Política Nacional do Meio Ambiente, que em 1981 antecipou disposições ambientais da Constituição Federal. Foi também o principal articulador da implantação, em 1984, do Conama (Conselho Nacional do Meio Ambiente), que passou a definir normas como as de licenciamentos ambientais, controle de poluição e outras atividades.