Connect with us

Nossa Cidade

Prefeitura recebe aporte de 5 milhões para o Cartão Nutrir Emergencial

Publicado

em

A Prefeitura de Campinas recebeu um aporte financeiro de cinco milhões de reais para subsidiar o Cartão Nutrir Emergencial. O subsídio veio do Fundo Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (FMDCA). O benefício é destinado às famílias cadastradas que tenham entre seus membros crianças e adolescentes com idade entre zero e 15 anos.

A deliberação desse valor foi feita pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA) e publicada na edição de quarta-feira, dia 31 de março, do Diário Oficial do Município.


Na tarde desta quinta-feira, dia 1 de abril, o prefeito Dário Saadi e a secretária municipal de Assistência Social, Pessoa com Deficiência e Direitos Humanos, Vandecleya Moro receberam o presidente do CMDCA, Carlos Renê Fernandes de Oliveira e outros representantes do colegiado para agradecer a colaboração.

De acordo com o prefeito, Campinas tem uma rede de assistência estruturada, os conselhos são qualificados e a gestão deve ser feita em conjunto. “Fiz questão de agradecer a vocês pessoalmente porque acredito que temos que fazer uma gestão parceira. Esse aporte financeiro vai garantir mais três meses do cartão nutrir para famílias com crianças e adolescentes que se encontram em situação difícil por causa da pandemia”, disse o prefeito.

Para o presidente do CMDCA, Carlos Renê, o aporte desse recurso mostra a sinergia entre o poder público e o conselho na busca por políticas públicas efetivas. “Estamos muito felizes pelo reconhecimento dessa parceria com o CMDCA e sabemos que, neste momento, a prioridade é a segurança alimentar de crianças e adolescentes”, afirmou.

Entre os representantes do Conselho também estiveram presentes à cerimônia a vice-presidente Mariana Barão; 2ª Secretária, Flávia Martins Guimarães; 1ª Tesoureira, Maria Stella Bosso e a 2ª Tesourei, Maria José Geremias.

Cartão Nutrir Emergencial

O Cartão Nutrir Emergencial atende a cerca de 19,5 mil famílias ao mês. Foi implementado como uma das medidas mitigadoras das fragilidades sociais trazidas pela pandemia do novo coronavírus dentro do Programa de Segurança Alimentar Nutrir Campinas. A manutenção da concessão deste benefício visa assegurar o direito humano à alimentação adequada para famílias em situação vulnerável.

O Cartão Nutrir funciona como um vale-alimentação que pode ser utilizado na rede credenciada de supermercados. O valor do cartão é de 26 UFICs (Unidade Fiscal de Campinas), que equivale a R$ 98,50. Esse valor é depositado mensalmente para os beneficiários, que podem comprar produtos alimentícios e de higiene.

Continue Reading
Publicidade

Copyright ©2014-2020 NoticiasCampinas.com.br. Todos os direitos reservados.